Meus livros

BannerFans.com

terça-feira, 16 de abril de 2013

Guerra iminente

A guerra declarada.
A guerra foi declarada ontem, hoje, e enquanto existir USA e aliados.
Mas quem é o inimigo?
São tantos!
Mas pode ser o de ontem agindo à sombra do de hoje.
Pode ser o de amanhã estrategicamente quebrando as forças das potências.
Pode ser o patriota, o próprio, cansado;
Cansado de guerras.
Psiu! Silêncio. Você também é suspeito.

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Variáveis do humor


O humor muda; certamente muda.
O humor de Jô muda
O humor de Chico;
O humor bem humorado,
O humor crítico. Político.

O meu humor mudou. Mudei muito. Muito muito, aos poucos, mudei.
Mudar é uma forma de se ficar mudo. Silenciar-se. Dar a vez... Mudei!

O mundo mudou:
a visão do abismo
A visão do pecado
O otimismo.


Um algo novo (hipotético ou não); o novo certo, antes, levava-o à inquisição. Hoje o riso substitui o pranto.  Isso é mudança. Evolução. O mundo é, agora, mais tolerante. O certo, outrora, extraordinariamente novo e verídico, o levaria ao exílio, ao desencanto - Galileo Galilei...


Os inquisidores mudaram, os pesquisadores também. 
Também os pesquisados.                                                       
Hoje, certos erros nos torna santo.                                                                                     
Lendas tornam-se enigma científico.                                                                                     
Crenças tornam-se mitismo. 
Verdades antigas tornaram-se mito.                                                                                 
Mas risos vindouros não apagam fissuras de um pranto retido.
Todo o mundo mudou.                                                                                                       
Mudei.


Muda-se o humor a razão.                                                                                                   
Muda-se o sentido, o jejum, o luto, o absoluto.
O humor muda.                                                                                                                   
Muda o humor...                                                                                                                
Fraterno.
O humor moderno, nada mais;
Mais nada é absolutamente eterno.

terça-feira, 9 de abril de 2013

Até que ponto

Até que ponto a nova era libertária, na qual evidentemente nós brasileiros, acompanhando as tendências do mundo, entramos, pode efetivamente contribuir para a evolução do homem? Não devia ser esse o propósito das mudanças, tornar o mundo melhor através do aperfeiçoamento das qualidades humanas? Mas no que contribui para isso a liberdade orgíaca, as drogas, as máscaras?
O diabo vibra a cada mal uso do livre arbítrio. Em breve os cristãos e pessoas de bem serão caçados como nos tempos dos bárbaros; e os gays e outras tribos celvagens podem dominar a terra. Ou o contrário. Eu quero ir pra algum lugar longe,  bem distante; já que ninguém ouve minha voz. Mas até marte já não é longe o bastante. Talvés zuyshthusky...

domingo, 7 de abril de 2013

INNOVARE


Eu não quero não.
Não, não quero:
Apenas apreender as ideias dos grandes pensadores.
Quero ser autônomo, independente.
Quero discutir, discordar, defender e sugerir novos ajustes e soluções.
Conhecer as problemáticas.
Quero inovações.
Quero o mundo dos poetas puros, iletrados.
Quero uma nova didática:
A filosofia dos caipiras e a clareza dos seus dialetos.
Quero as ideias jovens dos jovens idealistas.
Todas as possibilidades de melhorias e todas as ousadias, bem-vindas.
Naturalismo em comunhão com as tecnologias.
Não, não quero não: o mundo sempre sempre igual;
Todos os modos de compreensão instituídos.
Quero articular atitudes...
E ousadia. Não quero apenas que aceite.
Quero o que ficou no silêncio dos espaços dos mestres: Platão, Wittgenstein, Nietzsche...
Quero update da filosofia.
 Um upgrade de ideologias.
Inconveniente?
Não; Seria?

Meus livros

BannerFans.com